Grupo Curumim participa de Hangout da ONU para discutir zika e direitos humanos a partir das 10h

quinta-feira, outubro 26th, 2017

O Grupo Curumim, organização não governamental feminista, participa nesta sexta-feira, 29/04, de Hangout promovido pela Organização das Nações Unidas – ONU, que vai discutir “Epidemia de zika e direitos humanos”.A roda de conversa online acontece dentro da programação da 3ª Conferência Nacional de Políticas Públicas de Direitos Humanos de Lésbicas, Gays, Bissexuais, Travestis e Transexuais, e da 12ª Conferência Nacional de Direitos Humanos, realizadas entre os dias 24 e 29 de abril, em Brasília.

A ONU no Brasil, por meio de suas campanhas Zero Discriminação e Livres & Iguais, pretende marcar suas posição e presença nesta semana.O Grupo Curumim participará do Hangout “Epidemia de Zika e Direitos Humanos – II”, juntamente com o Coletivo Mangueiras, com mediação de Mariana Tavares, do Fundo de População das Nações Unidas. O debate será realizado na sexta-feira (29), das 10h às 10h30.

A discussão será transmitida ao vivo e abertamente na internet, o que deverá possibilitar uma interação em tempo real entre os convidados e o público.Será uma oportunidade para o Grupo Curumim divulgar a campanha “Em tempos de zika, proteção e cuidado começam por informar a mulher sobre seus direitos reprodutivos”. A coordenadora da ONG, Paula Viana, participará do Hangout e falará sobre os objetivos e expectativas da campanha sobre zika e direitos reprodutivos.“Participar dessa roda de conversa da ONU será bastante pertinente para nós divulgarmos mais ainda nossa campanha em âmbito nacional.

Os direitos reprodutivos das mulheres precisam entrar no foco dos debates sobre o vírus zika e nós do Grupo Curumim, estamos fazendo nossa parte de ampliar as discussões e levar a informação para as mulheres”, frisou a coordenadora do Grupo Curumim, Paula Viana.

LINK:https://www.youtube.com/watch?v=-GfnBvsYiW0

‪#‎direitosreprodutivos‬ ‪#‎mulher‬ ‪#‎zika‬ ‪#‎grupocurumim‬

Fonte: Assessoria de Comunicação


Os comentários estão desativados.